19, junho, 2017

Arraiá da Doce Gula é excelente opção para comida junina em Fortaleza

Pratinho do Arraiá da Doce Gula
Arraiá da Doce Gula traz opções variadas de clássicas receitas juninas para degustar (Divulgação)

Quem ama São João sabe que junho é um dos meses mais deliciosos do ano. Como nesta época as comidas típicas costumam chamar a atenção de muita gente, a Doce Gula se preparou para receber os comensais do período com o Arraiá da Doce Gula. A novidade traz delícias variadas em um atrativo espaço decorado com temática de São João, voltado especialmente para fazer os comensais entrarem no clima da festividade. No cardápio, as receitas da chef Sílvia Vasconcelos reúnem pratos os mais clássicos, como os vatapás ou o aluá, bebida de origem indígena que é bastante encontrada em tempos juninos.

Pra começar, as barracas são montadas de quinta a domingo na Doce Gula da Oliveira Paiva e sexta e sábado, na Doce Gula da Aldeota. Em ambos os espaços, o Arraiá da Doce Gula começa às 17h30 e segue até as 22h. O produto principal é o pratinho (R$18 para consumo no local ou R$19 para viagem), que tem um bom custo benefício pela quantidade de comida ofertada – a opção é realmente farta e alimenta bem até mais de uma pessoa. Na montagem, podem ser escolhidas até quatro opções. Entre estas, estão o baião de dois, o vatapá de camarão e de frango, o salpicão, a galinha à cabidela, o carneiro cozido, a calabresa fatiada, o creme de carne do sol e outros clássicos… Vale destacar a ótima qualidade dos insumos, que resultam em criações muito saborosas.

Comidas típicas Doce Gula
Opções de comidas típicas são variadas: comensal pode escolher até quatro para comporem o pratinho (Divulgação)

Além do pratinho, há também as fatias de bolos juninos (R$8,50), com receitas do período (como o pé-de-moleque), e as fatias de bolos tradicionais da casa, como chocolate ou leite Ninho (ambos por R$9,50 a fatia). Arroz doce, mugunzá, docinhos, cocada, queijadinha e canjica também são ofertados. Pra beber, tem aluá, suco de milho, refrigerante, água e os próprios sucos naturais ofertados pelas lojas da Doce Gula.

Vale a pena uma visitinha para se deliciar, principalmente levando toda a família para curtir essa culinária maravilhosa. As porções servidas pela casa são sempre generosas e as receitas honram o espírito da época, além de manterem o alto padrão habitual da Doce Gula.

 

Serviço
Arraiá da Doce Gula
Horário: das 17h30 às 22h
De quinta a domingo, na Doce Gula da Oliveira Paiva (Av. Oliveira Paiva, 1580)
Sexta e sábado, na Doce Gula da Aldeota (R. Leonardo Mota, 1500)

Colunistas

Ver tudo
28 de novembro de 2019

As “cervezas” dos “hermanos”: cenário e cervejas na Argentina

Autor: Samuel Magalhães (@SamCervas)

31 de agosto de 2019

Fim de férias no delicioso Hotel Parque das Fontes de Beberibe

Autor: Patrícia Ferreira (Gourmet Fortaleza)

css.php