28, março, 2013

Chocolate interditado

Embora seja um pouco difícil encontrar alguém que não goste de chocolate, é cada vez mais comum ver pessoas que não podem comê-la, seja de forma temporária ou permanente. As causas vão desde uma dieta muito rígida para emagrecimento até problemas como diabetes, intolerância à lactose ou ao glúten.

 

A boa notícia é que a indústria dos ovos de Páscoa está dando mais atenção ao público que tem restrição alimentar e disponibilizando produtos especiais para essas pessoas. De acordo com a nutricionista do Hapvida Saúde, Iria Amorim, “a indústria alimentícia está se preocupando mais com as pessoas que possuem restrição alimentar. Está lançando mais produtos voltados a elas, pois esse público tem crescido bastante”.

 

No que se refere à Páscoa, já é possível encontrar muitos chocolates que atendem a essas necessidades. Segundo a especialista, a maioria dos chocolates “alternativos” é feitos à base de soja. Porém, tudo depende de qual ou quais substâncias serão substituídas. Os chocolates sem açúcar já são bem conhecidos, mas é importante lembrar que eles levam mais gordura em sua composição.

 

Para quem não pode consumir outras substâncias, como lactose (presente no leite) e  glúten (encontrado no trigo e alguns outros cereais), as opções ainda não são tantas, mas já estão na prateleira de lojas especializadas e até nos supermercados. A nutricionista lembra, no entanto, que é preciso estar atento aos rótulos: “Quem tem intolerância à lactose, por exemplo, deve observar se o produto é de baixa lactose ou se é isento da substância. O que é de baixa lactose só vai adiantar pra tem níveis mais baixos de intolerância. Se o nível for alto, o produto não pode ter nada de lactose”.

 

Ainda é possível encontrar alternativas mais inusitadas, como ovos de Páscoa com whey protein, uma proteína extraída do soro do leite e muito usada em suplementos alimentares consumidos por praticantes de atividades físicas. Os ovos prometem um teor de gordura menor e melhor desempenho físico sem perder o sabor característico do chocolate.

 

Confira opções de ovos de Páscoa: 

Ovo de Páscoa Ovo de Páscoa Choco Soy Tradicional  – com chocolate à base de soja sem lactose, sem glúten, recheado com Choco Soy Pops – Média de preço: R$ 24,80

Ovo de Páscoa Ovo de Páscoa Choco Soy Diet – com chocolate à base de soja. Sem adição de açúcar, sem lactose e sem glúten. Recheado com Choco Soy Pops Zero – Média de preço: R$ 29,80

Ovo Diet 180g Cacau Show – com zero açúcar e bombons recheados de amêndoas e avelãs zero açúcar. Preço: R$ 29,90

Ovo Taeq Diet 200g – contém 11 g de carboidratos, 7,6 gramas de gorduras totais e 4,5 g de gorduras saturadas, o que corresponde a 20% dos valores diários recomendados. Rico em fibras e sem açúcar. 

Colunistas

Ver tudo
22 de fevereiro de 2020

Como cuidar da saúde no carnaval, evitar a ressaca e mais

Autor: Raquel Pessoa

28 de novembro de 2019

As “cervezas” dos “hermanos”: cenário e cervejas na Argentina

Autor: Samuel Magalhães (@SamCervas)

css.php