8, janeiro, 2014

Dicas para seu churrasco

As dicas para seu churrasco de hoje vão ajudar você a alcançar o ponto perfeito das suas carnes

Alcatra deliciosa, uma das convidadas especiais de muitos churrascos (Foto: Matéria da Folha de S.P.)
Alcatra deliciosa, uma das convidadas especiais de muitos churrascos (Foto: Matéria da Folha de S.P.)

Todo churrasqueiro que se preze tem suas “artimanhas” e macetes com as carnes de um churrasco. Dicas para acender o fogo mais facilmente, para deixar as carnes mais suculentas, molhos especiais… O mundo dos churrascos e churrasqueiros é um mar de segredos e descobertas. E, quanto mais conhecimento é adquirido neste universo, mais suas carnes ficarão com um visual e sabor espetaculares e alcançarão o ponto desejado.

Pensando que os cearenses podem ser tão apaixonados por carnes e churrascos bem feitos quanto os gaúchos, o Portal Sabores traz para você algumas valiosas dicas para seu churrasco. As dicas foram reunidas e elencadas pela Folha de São Paulo, e darão aquele toque especial para seus pratos. Honre essa tradição gastronômica e mãos na carne!

 

Para começar

A GRELHA

A diferença entre a mais elaborada e a mais simples das grelhas é que na primeira você conseguirá executar seu trabalho com mais facilidade e conforto.

“Já fiz churrasco até com tela de galinheiro”, desmistifica o especialista em carnes István Wessel.

Para quem não quer fazer um grande investimento, ele indica grelhas de ferro fundido, daquelas que se usa no piso para a coleta de águas pluviais, que custam cerca de R$ 30. São vendidas em lojas de materiais de construção.

O FOGO

Uma hora antes de começar o churrasco, acenda o fogo e tire as carnes da geladeira. Você pode calcular cerca de 500 g de carne por pessoa e o dobro de carvão. Os especialistas são unânimes em recomendar o uso das cinzas do churrasco anterior junto ao carvão. Elas acalmam a brasa e formam uma espécie de película que não deixa a gordura da carne penetrar com intensidade no carvão. A gordura que pinga no fogo ocasionalmente provoca as temidas labaredas, chamas que podem queimar os cortes.

O PONTO

Se você optar por usar peças inteiras em vez de porções prontas, corte a carne sempre contra as fibras.

Caso contrário, ela vai ficar dura. Lembre-se de salgá-la poucos minutos antes de levar à grelha, para que não resseque, e prefira o sal grosso. Quando você começar a ouvir um chiado agradável é hora de virar a carne: levante a borda e veja se há marcas nela, este é o ponto. Evite espetá-la para que não perca suco.

0 tempo médio de preparo de uma peça é de 40 minutos.

Carnes

Picanha
A estrela do churrasco. Comece assando a peça com a gordura para baixo. Se passar do ponto, perde muito em sabor. Importante selar antes e depois passá-la para uma parte menos quente da churrasqueira.

Alcatra
Asse a parte maior do miolo de alcatra em filés de 3 a A cm de espessura com a gordura para cima. Na parte maior, que parece muito o filé-mignon, pincele um pouco de óleo.

Maminha
A maior dificuldade é o corte, há fibras em diferentes direções em uma mesma peça. Para que ela não perca suco, deixe a carne descansar cerca de dez minutos antes de fatiá-la.

Costela de porco

Escolha exemplares gordos e tempere com tomilho e sal fino em vez do grosso. Asse na churrasqueira em temperatura média por cerca de uma hora.

Frango
As melhores partes para churrasco são sobrecoxa e coxinha da asa. Antes de assar, deixe marinando em uma parte de azeite com duas de suco de limão por 30 minutos fora da geladeira.

As melhores partes para churrasco são sobrecoxa e coxinha da asa. Antes de assar, deixe marinando em uma parte de azeite com duas de suco de limão por 30 minutos fora da geladeira.

Dica da Folha de São Paulo

Colunistas

Ver tudo
31 de agosto de 2019

Fim de férias no delicioso Hotel Parque das Fontes de Beberibe

Autor: Patrícia Ferreira (Gourmet Fortaleza)

css.php