29, agosto, 2013

Neto Marinho, o chef do Boteco Praia

Chef Neto Marinho_by Davi Magalhães (1)
o chef do Boteco Praia Neto Marinho

À frente de um dos restaurantes mais badalados de Fortaleza, Neto Marinho vem criando novas receitas para incrementar ainda mais o cardápio do Boteco Praia. O chef conversou com exclusividade com o Portal Sabores e falou sobre sua carreira, a gastronomia regional e das novidades do restaurante que ele comanda a cozinha.

Com Temperos ousados e criativos, Neto propõe unir carnes nobres aos ingredientes regionais. Os pratos com frutos do mar são leves, saborosos e diferenciados, combinando perfeitamente com o ambiente descontraído do Boteco Praia, que está localizado em um dos cartões postais mais bonitos da capital cearense, na av. Beira-mar, de frente para o mar.

O chef Neto Marinho é cearense, nascido em Campos Belos-Caridade e formado em gastronomia internacional, no conceituado Grande Hotel Escola São Pedro, em São Paulo, atuando profissionalmente há 17 anos. Após anos de trabalho na Europa, Neto pôde aprimorar seus dotes culinários para os mais diversificados paladares, o que possibilitou uma vasta experiência com ingredientes diferenciados.

No Boteco Praia, Neto Marinho iniciou suas atividades em junho de 2012 e é responsável não somente pela criação de pratos, mas também pelo planejamento de cardápios, apoio no preparo e a finalização de alimentos, observando métodos de cozimento e padrões de qualidade.

Confira a entrevista com o chef Neto Marinho:

  • Quando você cozinhou a primeira vez?

Já com nove anos de idade ajudava meu pai na cozinha.

  • Como você começou na área gastronômica?

Fazendo cocada e doce de leite para abastecer a cidade onde nasci, Campos Belos, em Caridade.

  • Como foi a sua trajetória?

Em 1995 comecei a fazer Gastronomia no Hotel-Escola SENAC de Águas de São Pedro – SP, um curso coordenado pelo chef francês Laurent Suaudeau. Na visita técnica, recebi um convite para fazer parte da sua equipe no restaurante que leva seu próprio nome, ¨Laurent¨, e, com o passar do tempo, conheci o chef europeu Oscar Mercan, que tem uma rede de restaurantes em vários países da Europa. Isso me possibilitou conhecer outros chefs, de várias nacionalidades, e trocar muitos conhecimentos que foram de suma importância para minha carreira atual.

  •  O que você considera como importante nessa área?

As possibilidades de criar, renovar e transformar tudo a todo tempo.

  • Como você cria os novos pratos? De onde surge a criatividade?

Adoro estar ligado em tudo que acontece na área gastronômica! Gosto de regionalizar receitas e, com isso, encontrar várias formas de apresentação.

  • Como você vê a culinária nordestina? Qual a importância dos ingredientes receitas e criatividade nordestina?

A culinária nordestina é muito rica, mas com muitos desafios de se encontrar novas possibilidades de combinações de sabores e apresentações da nossa gastronomia regional.

  • Qual o diferencial do Boteco Praia?

Ambiente, música e a comida, com muitos frutos do mar.

  • Quais as próximas novidades que a gente pode esperar do Boteco Praia?

Festival de Lagosta e Camarão. Aguardem!

Colunistas

Ver tudo
16 de maio de 2019

Dragão Fashion Brasil ocorre em Fortaleza

Autor: Raquel Pessoa

15 de maio de 2019

Rodeio em Ribeirão Preto

Autor: Patrícia Ferreira (Gourmet Fortaleza)

css.php