11, outubro, 2012

O vinho italiano no Ceará

 

Em evento no Sah Restaurante, a empresa de distribuição de vinhos, Interfood, e as vinícolas italianas, Fantinel  – região Grave Del Friuli – e Planeta – região da Sicília – apresentaram algumas opções para compor a mesa do cearense. No jantar criado pelo chef Marcos Gil, quatro vinhos foram degustados, dois de cada vinícola. 
 
A consultora Collen Clayton veio, direto de Mendoza (Argentina), para explicar cada detalhe sobre os vinhos Fantinel e Planeta. Ela esclarece que os vinhos ideais para o clima de regiões quentes, como o Ceará, são os vinhos brancos, como o siciliano Planeta La Segreta Bianco (safra 2009), que acompanhou a Codorna Salteada com uma inesquecível Mousseline de Couve-flor, entrada do jantar. “Vocês podem perfeitamente trocar a cerveja e a caipirinha pelo vinho branco”, sugere Collen. 
 
Outra opção para o clima quente vem de Friulli, região do nordeste da Itália, o Fantinel Rosé Espumante é produzido no método Charmat, tem o aroma de frutas vermelhas e o sabor bem fresco. Destaque para o design da elegante garrafa. O espumante pode ser servido nos mais diversos eventos.
 
O primeiro prato, Filé Mignon Suíno ao Forno ao Molho Rotë com Batata Fondant, contou com a harmonização do vinho Fantinel Refosco de Pendulo Rosso (safra 2008). Vinho italiano de uvas vermelhas, o Refosco é muito usado em casamentos e precisa ser degustado juntamente com um prato, pois segundo Collen, ele não é ideal para ser bebido sozinho.
 
O vinho do segundo prato é o destaque do jantar, um Planeta Syrah IGT (safra 2007). Acompanhado por um Filé Mignon ao Demi-Glace com um Ratatouille capaz de agradar até aos desgostosos por verduras, o Syrah siciliano tem uma complexidade aromática, sabor encorpado com taninos redondos e acidez equilibrada. Combinando com vários tipos de carnes e queijos, é também ideal para beber sem acompanhamento. Este vinho é considerado o mais elegante da linha. 
 
Devido ao aumento da apreciação pelo vinho no Brasil, inclusive em regiões quentes como o Ceará, cada vez mais vinícolas de todas as partes do mundo procuram o mercado brasileiro. A Interfood, empresa de distribuição, trabalha somente com vinhos importados e possuem uma boa resposta do mercado cearense. “Estou impressionada com os restaurantes brasileiros e como cresceu o interesse deles pelo vinho nos últimos seis anos. Hoje, vemos casas com cavas próprias, com vinhos de qualidade e muitos sommeliers contratados. Só queria ver o brasileiro tomando mais vinho branco”, explica Collen, satisfeita com a visita ao Brasil, que irá terminar em São Paulo.
 
Apesar de ser americana, Collen Clayton já morou em Roma para estudar sobre os vinhos do país, mas há oito anos reside na Argentina. Hoje é considerada uma especialista em promoção de vinhos italianos nas Américas. O trabalho com vinhos italianos surgiu em 1999 e hoje ela viaja o “novo mundo”, como ela mesmo costuma falar, para divulgar as vinícolas Planeta, já conhecida de alguns restaurantes cearenses, e a Fantinel, empresa familiar que está apenas há dois anos no Estado. 
 
Segundo Leiliane Pinheiro da Interfood, alguns dos vinhos apresentados no jantar podem ser encontrados nos restaurantes Marcel, Sah, Empório do Pão, Cocobambu, Monte Carlo e Parque Recreio, os três últimos lugares tem a disposição apenas os vinhos da vinícola Planeta.
 
Interfood
A Interfood Importação é uma empresa nacional, fundada em 1985 e localizada na cidade de São Paulo. A empresa está há três anos efetivamente em Fortaleza e atende aos principais canais de distribuição, incluindo venda direta ao consumidor final, apoiando-se em tecnologia web 3.0 digital (e-commerce). São mais de 800 rótulos disponíveis dos principais centros produtores como: Chile, Argentina, Uruguai, Estados Unidos, África do Sul, Portugal, Espanha, França, Itália, Holanda, Inglaterra, Rússia e México.
 
 
Veja imagens dos vinhos na galeria:
 
 
 
Mais Informações:
Interfood
Fabiana – (85) 9138.1582
Leiliane Pinheiro – (85) 9168.0021
 
 

 

Colunistas

Ver tudo
22 de fevereiro de 2020

Como cuidar da saúde no carnaval, evitar a ressaca e mais

Autor: Raquel Pessoa

28 de novembro de 2019

As “cervezas” dos “hermanos”: cenário e cervejas na Argentina

Autor: Samuel Magalhães (@SamCervas)

css.php