3, novembro, 2014

Sabores da Europa: Áustria

Nossa colunista Raquel Pessoa em evento gastronômico na cidade de Viena
Nossa colunista Raquel Pessoa em evento gastronômico na cidade de Viena

Capital da Áustria, Viena tem uma espécie de fusão gastronômica com as regiões que fizeram parte do extinto império. A maior parte das receitas incorporam notas checas, eslovacas ou húngaras. Por sorte, neste período, estava acontecendo um evento gastronômico com a culinária do mundo todo, inclusive do Brasil, com a famosa dupla feijoada e caipirinha.

Pude perceber que o passatempo preferido dos vienenses é mesmo apreciar uma boa música clássica e folhear um jornal enquanto degusta um expresso. Não sei se é verdade, mas se comenta que, segundo a UNESCO, este é um passatempo cultural oficial de Viena. Inclusive até hoje funciona um café muito charmoso, chamado Café Central, que era frequentado pelo pai da psicanálise, Sigmund Freud.

Outro lugar muito procurado é a região de Grizing, onde pode-se encontrar o Vinho Verde que, segundo os austríacos, é bem raro e poucos lugares do mundo o produzem. Uma curiosidade: se na porta do restaurante houver a inscrição “eigenbau”, quer dizer que a fabricação do vinho é caseira. Para acompanhar o vinho, eles oferecem patês, carnes, queijos e pães magníficos. O Vinho Verde é um vinho frutado e harmoniza muito bem com refeições leves e equilibradas, como saladas, peixes, mariscos e carnes brancas, mas deve ser apreciado com moderação, como toda bebida alcoólica… Sendo assim um brinde ao comedimento!

Colunistas

Ver tudo
22 de fevereiro de 2020

Como cuidar da saúde no carnaval, evitar a ressaca e mais

Autor: Raquel Pessoa

28 de novembro de 2019

As “cervezas” dos “hermanos”: cenário e cervejas na Argentina

Autor: Samuel Magalhães (@SamCervas)

css.php